Começamos nesse fim de semana a correria para arrumar a casa nova. Esperávamos nos mudar antes, mas quando se trata de obras nada é como imaginamos mesmo. Agora só faltam mais 2 meses para entrada do gesso, iluminação e móveis planejados e estou ansiosa para começar a montar o quartinho da Malu.

Assim como o resto da casa já tenho tudo planejado na cabeça, só vai depender do orçamento que conseguir levantar para ir fazendo tudo como quero. Parte mais difícil.

Sinto que meu corpo não é mais o mesmo do mês passado e isso está me dando uma certa ansiedade para deixar tudo ensaiado para não acumular adiante.

Estou paquerando há um tempo o quartinho da Malu, mas como hoje (Yes! Hoje…Ufa!) vamos ver como andam as coisas e quem sabe, com muita sorte e fé no peito definir de vez o sexo. Assim ficarei mais tranquila para mandar bala no enxoval e móveis.

Tenho visto muita coisa, mas o que me encanta mesmo é o romantismo. Nunca fui tão romântica assim para decoração (coisa de mãe!) e é essa fase meio mistura que vou levar para minha casa. Dei sorte em nascer designer e conhecer pessoas de incrível bom gosto e trabalho encantador, mas também me encanta ver aqueles quartinhos quase saídos de Provence direto para meu endereço e acho que a Malu vai gostar também.

Vamos montar algumas surpresas para ela, além desse frosô todo, penso em comprar umas peças de design tipo esse cachorrinho e colocar uma parede de formica para ela rabiscar a lá vontê.

Achei muita coisa legal na Celina Dias, Ri-Pô-Pi, mas como o orçamento não vai dar para tudo penso em misturar um pouco com outras lojas. Vi esse achado na internet que tem berçinhos de palha como quero por um valor beeeem mais em conta que as lojas circuito Casa Cor. Misturando tudo vai ficar ótimo, até porque berço passa bem rápido, basta ser seguro.

Algumas dicas que minha irmã me deu foram que o berço vire mini cama para ela começar a usar depois de um ano, como aconteceu com meu sobrinho João Pedro. E principalmente, que tenha mais dois níveis abaixo para que a criança não tente pular quando já ficar em pé sozinha se apoiando (JP chegou a cair uma vez e ela ficou craque nisso). Outras dicas bacanas são para  testar se a grade abaixa por que isso facilitará na hora de pegar o nenêm e a outra é se passa uma latinha entre as grades, para que ele não machuque o corpinho tentando se infiltrar.

É engraçado pensar no futuro tão próximo por que enquanto estou grávida, ainda penso no bebê indefeso, mas isso é tão rápido. Como todas as mães falam, nada mais certo do que ter a criança nos braços para saber realmente como é ter e cuidar de uma.

Ainda não me decidi sobre a escolha do berço e das cores do quarto, estou entre as peças abaixo e verde/rosa ou rosa/creme. Vamos ver no que isso vai dar!

Esse vi num site de design americano.

Esse vi num site de design americano. Tem a mini também que é uma graça, mas pode esperar um pouco!

Sonho de consumo, esse abajour francês parece uma dama anos 20 bem vestida e de brincos! Estou garimpando algo parecido porque encontrei essa imagem em um brechô francês na internet :( Mas esse sei que vai ser difícil.

Sonho de consumo, esse abajour francês parece uma dama anos 20 bem vestida e de brincos! Estou garimpando algo parecido porque encontrei essa imagem em um brechô francês na internet😦 Mas esse sei que vai ser difícil.

A cômoda da Cavalinho de Pau. Verei se consigo mudar o puxador porque quero misturar madeira clara com branco.

A cômoda da Cavalinho de Pau. Verei se consigo mudar o puxador porque quero misturar madeira clara com branco.

Berço dos sonhos da Celina Dias

Berço dos sonhos da Celina Dias foi usado na Casa Cor. Foto do site do evento.

Meu achado. Mais barato e tão lindo quanto. Da Cavalinho de Pau.

E um achado. Bem mais barato e tão lindo quanto, esse é da Cavalinho de Pau.

Opção intermediária da Ri-Pô-Pi.

Opção intermediária da Ri-Pô-Pi. Mas quase o mesmo preço da Celina.

Quero definir até mês que vem para então ver o enxoval e cores do quarto. No mais, os toques  ficam com as almofadas, bichinhos, e etc.

Cute não!?🙂